A utilização do aço na Construção Civil

Você pode não saber, mas a primeira ponte erguida com estruturas metálicas no Brasil foi sobre o rio Paraíba do Sul, no Rio de Janeiro, em 1857. De lá para cá, o aço foi ganhando espaço na produção nacional e a engenharia foi acompanhando as tendências mundiais e buscando se inovar com o intuito de reduzir custos, diminuir o tempo de obras e aumentar a eficiência e produtividade.

A construção em aço se aplica em vários locais e para diversos usos, como pontes, aeroportos, complexos industriais ou edifícios. Desde as primeiras pontes metálicas até os edifícios mais modernos, a utilização do aço nas construções tem sido cada vez mais aplicada, devido ao seu aspecto arrojado e eficiente para muitos tipos de obras.

O uso de estruturas metálicas é uma saída inteligente para áreas com pouco espaço, as seções de pilares e vigas são mais reduzidas do que as equivalentes em concreto. Isso aumenta a área útil do seu projeto e ocasiona uma melhor utilização do espaço disponível.

Além do espaço, o aço é um grande aliado no quesito tempo. Como a fabricação da estrutura metálica ocorre em paralelo com a execução das fundações, a possibilidade de se trabalhar em diversas frentes simultaneamente e a vasta quantidade de aço disponível no mercado podem ajudar a reduzir em até 40% o tempo necessário para a execução de uma obra. Com a redução no tempo de obra e consequentemente, a antecipação no prazo de entrega dela, o retorno dos investimentos virá mais rápido.

E claro, não podemos esquecer que o aço é 100% reciclável e as estruturas podem ser desmontadas e reaproveitadas com menor geração de rejeitos.

Publicações Recentes